Concursos

Bolsa de Investigação (BI) para aluno de Mestrado: ARDITI-DYNAMIC-2023-001

A ARDITI abre concurso para atribuição de 1 (uma) bolsa de investigação, no Laboratório de Engenharia Organizacional (EELab) da ARDITI, no âmbito do projeto DYNAMIC-EGOV (MAC2/5.11a/359), nos seguintes termos:

Nº de bolsas:  1

Data-limite para a receção das candidaturas: 28-06-2023

Data prevista para o início da bolsa: 01-07-2023

Duração: 3 meses, renovável até final do projeto

Subsídio mensal de manutenção: 930,98 Euros

País de trabalho: Portugal

Cidade de trabalho: Funchal

Empresa/instituto empregador: ARDITI

Local de trabalho: Laboratório de Engenharia Organizacional (EELab), na ARDITI

Principal campo de investigação: Sistemas de informação

Descrição do trabalho:

O projeto DYNAMIC-EGOV visa impulsionar o uso das TIC, nos órgãos da administração pública dos governos da Macaronésia, melhorando os serviços públicos, a produtividade e a eficácia organizacional, bem como a relação com os cidadãos, nomeadamente na informação, procedimentos e serviços. Pretende-se promover uma rede de cooperação transnacional para o uso das TIC e o desenvolvimento de uma ferramenta informática de geração automática de código que permita criar aplicações para a administração eletrónica de forma fácil e intuitiva, potenciando a eficácia dos serviços públicos.

O DYNAMIC-EGOV pretende ainda implementar um projeto piloto para a identificação e modelação de processos utilizando a metodologia e linguagem DEMO (Design & Engineering Methodology for Organizations – http://www.ee-institute.org), sendo os modelos depois utilizados para a geração automática/direta de aplicações para a administração eletrónica.

Este projeto irá ocorrer no seio da equipa do Enterprise Engineering Lab da ARDITI (EELab) que tem estado centrada no desenvolvimento da plataforma “Dynamic Information System Modeler and Executer” (DISME), recorrendo às tecnologias/frameworks Laravel, Angular, Bootstrap e SGBDs SQL e NoSQL.

O investigador irá colaborar:

  • No desenvolvimento/extensão de componentes REST da plataforma DISME, adaptando-a ao cenário de utilização do projeto Dynamic eGov.
  • Testes de integração da componente REST da plataforma DISME com sistemas existentes da administração pública e outros.
  • Na preparação e redação de artigos para submissão a conferências e revistas sobre Engenharia de Software, Sistemas de Informação, Sistemas de Apoio à Decisão, Engenharia Organizacional e áreas afins, referentes aos resultados deste projeto e iniciativas de investigação relacionadas no EELab.

Os candidatos devem satisfazer os seguintes requisitos, aptidões e competências:

  • Inscrição em um mestrado na área de Engenharia Informática ou área afim, com pelo menos 60 ECTS já concluídos nesse curso.
  • Experiência em sistemas de apoio à decisão.
  • Experiência em engenharia organizacional.
  • Experiência na metodologia DEMO.
  • Experiência nas frameworks Laravel e Angular.
  • Experiência no desenvolvimento de interfaces REST
  • Experiência no desenvolvimento de aplicações web e bases de dados.
  • Conhecimentos das linguagens de programação HTML, PHP, Javascript, Typescript, CSS e SQL.

Local de trabalho:

O trabalho será realizado no EELab, ARDITI (Funchal, Portugal), sob a supervisão do Prof. Doutor David Aveiro.

 

Duração da bolsa de estudo:

A bolsa terá uma duração de 3 meses, renovável até final do projeto, com data de início prevista para 1 de julho de 2023.

 

Subsídio mensal de manutenção:

O investigador receberá uma bolsa mensal de 930,98 euros, isento de impostos.

As bolsas da ARDITI e os regulamentos são determinados pela ARDITI (https://cloud.arditi.pt/index.php/s/wJGZEAJWaQx6wcx?path=%2FRegulamentos%2FBolsas)

 

Como candidatar-se:

Até ao dia 28-06-2023, os interessados devem enviar a sua candidatura por e-mail para o endereço Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar., com o assunto: ARDITI-DYNAMIC-2023-001.

Os seguintes elementos devem ser anexados ao e-mail:

A. Curriculum Vitae atualizado.

B. Carta de motivação, explicando como o/a candidato/a preenche os requisitos do concurso.

C. Comprovativo de inscrição num mestrado na área de Engenharia Informática ou área similar, incluindo a lista de unidades curriculares concluídas, respetivos ECTS e notas.

D. Certificado de conclusão da licenciatura, incluindo a lista de unidades curriculares concluídas e respetivas notas.

E. Lista de projetos (ou experiência anterior) na área (opcional).

 

Critérios de seleção:

Os critérios de avaliação das candidaturas basear-se-ão na apreciação conjunta dos seguintes critérios (numa escala de 0 a 20 valores):

  • Média das notas atribuídas a unidades curriculares concluídas, na área de engenharia organizacional (20%)
  • Média das notas atribuídas a unidades curriculares concluídas, na área de sistemas de apoio à decisão (20%)
  • Média das notas atribuídas às unidades curriculares já concluídas no curso de mestrado (25%)
  • Média final da formação académica de grau de licenciado (20%);
  • Motivação demonstrada para trabalhar no projeto (15%).

O júri poderá entrevistar, por videoconferência, os 3 primeiros classificados. A avaliação da entrevista é expressa numa escala numérica de 0 a 20 valores.

No caso de ser realizada entrevista, é atribuindo um fator de ponderação de 80% à nota da avaliação do percurso curricular, e um fator de ponderação de 20% à nota da entrevista.

 

 Painel de seleção:

  • Presidente: Doutor David Aveiro, Professor da Universidade da Madeira
  • Vogal: Doutor Sergi Bermúdez I Badia, Professor da Universidade da Madeira
  • Vogal: Doutora Mónica da Silva Cameirão, Professora da Universidade da Madeira

 

Notificação de resultados:

Os resultados finais serão publicados através de uma lista ordenada por nota final, que será afixada num local visível e público na ARDITI, sendo todos os candidatos notificados por e-mail.

 

Notas:

  • O processo de seleção será baseado no princípio da não discriminação sexual, de idade, de nacionalidade, de religião, de grupo racial, ou qualquer outra possível questão discriminatória. A seleção será efetuada apenas com base no mérito e de acordo com a Carta Europeia do Investigador, o Código de Conduta para o Recrutamento de Investigadores (Recomendação da Comissão, Bruxelas, 11.3.2005, 2005/251/CE) e as recomendações da Declaração de São Francisco sobre Avaliação da Investigação (DORA).
  • A ARDITI é uma "organização de acolhimento de refugiados" reconhecida pela Comissão Europeia, segue a Carta Europeia do Investigador e acolhe favoravelmente as candidaturas de todas as pessoas qualificadas.
  • O prazo de candidatura pode ser prorrogado em qualquer altura, sem aviso prévio, tendo em conta os requisitos para as vagas em aberto no âmbito do presente convite.

 

Subscreva a newsletter

Pesquisa

Copyright © 2023 ARDITI
We use cookies

We use cookies on our website. Some of them are essential for the operation of the site, while others help us to improve this site and the user experience (tracking cookies). You can decide for yourself whether you want to allow cookies or not. Please note that if you reject them, you may not be able to use all the functionalities of the site.