Concursos

Bolsa de Investigação (BI) para aluno de Mestrado: ARDITI-CollMi/2022/001-BI

Cargo/posição/bolsa: Bolsa de Investigação (BI) para aluno de Mestrado;

Referência: ARDITI-CollMi/2022/001-BI;

Área científica genérica: Sistemas de informação;

Área científica específica: n/d;

Resumo do anúncio

A ARDITI abre concurso para atribuição de 1 (uma) bolsa de investigação, no Laboratório de Engenharia Organizacional (EELab) da ARDITI, no âmbito do projeto CollMi - Collaborative Micro-hubs (i4T_OC1_05,  GA Nº 951975), nos seguintes termos:

Texto do anúncio

O projeto CollMi pretende integrar as tecnologias FIWARE, iSHARE e blockchain no desenvolvimento de Micro-hubs colaborativos (CMH) que contribuam para uma cadeia de valor logística mais fiável e sustentável.

Micro-hubs colaborativos (CMH) é um novo conceito do setor logístico baseado em metodologias avançadas da teoria dos jogos, no qual um grupo de empresas logísticas (expedidores expresso e transitários) colaboram entre si através da partilha de meios e recursos para a entrega de encomendas numa rede de centros logísticos comuns instalados em áreas estratégicas de centros urbanos. Os principais incentivos para uma empresa de logística operar numa CMH é reduzir os custos operacionais, melhorar a qualidade do serviço e cobrir uma área geográfica mais vasta sem grandes investimentos e riscos iniciais. A aplicação da tecnologia FIWARE, iSHARE e blockhain  este conceito, irá fornecer uma framework de partilha e acesso aos dados, respeitando a sua soberania e assegurando que cada retalhista tenha acesso apenas à informação respeitante às suas próprias encomendas (ou encomendas dos seus clientes) e que cada operador logístico tenha acesso à informação relevante para a sua operação - quer se trate das suas próprias encomendas ou das que foram subcontratadas para entregar ou para fazer parte de tal entrega.

Este projeto irá ocorrer no seio da equipa do Enterprise Engineering Lab da ARDITI (EELab) associada ao Smart Islands Hub, que irá prestar apoio na implementação das componentes FIWARE e iSHARE.

O EELab tem estado centrado no desenvolvimento do protótipo opensource “Dynamic Information System Modeler and Executer” (DISME), recorrendo às tecnologias/frameworks Laravel, Angular, Bootstrap e SGBDs SQL e NoSQL. Todos os componentes do DISME funcionam numa interface web (responsive, adaptável a dispositivos mobile, tablet ou PC), permitindo a visualização e edição incremental de diagramas/modelos/processos organizacionais, bem como, através de um dashboard, a execução dos mesmos na forma de um sistema de informação dinâmico.

O investigador irá colaborar:

  • Em atividades para modelar processos organizacionais e identificar requisitos dos processos de logística no âmbito do projeto CollMi e com base no protótipo DISME.
  • No apoio à integração das tecnologias FIWARE, iSHARE e blockchain no desenvolvimento de um sistema para gestão de CMH.
  • No desenvolvimento/extensão de componentes da plataforma DISME, adaptando-a ao cenário de utilização do projeto CollMi.
  • Na preparação e redação de artigos para submissão a conferências e revistas sobre Engenharia de Software, Sistemas de Informação, Sistemas de Apoio à Decisão, Engenharia Organizacional e áreas afins, referentes aos resultados deste projeto e iniciativas de investigação relacionadas no EELab.

Os candidatos devem satisfazer os seguintes requisitos, aptidões e competências:

  • Inscrição no 1º ano de um mestrado (2º ciclo) na área de Engenharia Informática ou área afim.
  • Experiência em engenharia organizacional.
  • Experiência na metodologia DEMO.
  • Experiência nas frameworks Laravel e Angular
  • Experiência no desenvolvimento de aplicações web e bases de dados
  • Conhecimentos das linguagens de programação HTML, PHP, Javascript, Typescript, CSS e SQL.

Local de trabalho:

O trabalho será realizado no EELab, ARDITI (Funchal, Portugal), sob a supervisão do Prof. Doutor David Aveiro.

 

Duração da bolsa de estudo:

A bolsa terá uma duração de 6 meses, com uma data de início prevista a 1 de março de 2022.

 

Subsídio mensal de manutenção:

O investigador receberá uma bolsa mensal de 875,98 euros, isento de impostos. As bolsas da ARDITI e os regulamentos são determinados pela ARDITI (https://cloud.arditi.pt/index.php/s/PQPMGEM6pjJ5R4i).

 

Financiamento:

Este projeto recebeu financiamento do programa de investigação e inovação Horizonte 2020 da União Europeia, no âmbito do projeto i4Trust, financiado ao abrigo do acordo de subvenção n.º 951975.

 

Como candidatar-se:

Até ao dia 23-02-2022, os interessados devem enviar a sua candidatura por e-mail para o endereço Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar., com o assunto: ARDITI-CollMi/2022/001-BI.

Os seguintes elementos devem ser anexados ao e-mail:

  • Curriculum Vitae atualizado.
  • Carta de motivação, explicando como o/a candidato/a preenche os requisitos do concurso.
  • Comprovativo de inscrição num mestrado na área de Engenharia Informática ou área similar, incluindo a lista de unidades curriculares concluídas e respetivas notas.
  • Certificado de conclusão da licenciatura, incluindo a lista de unidades curriculares concluídas e respetivas notas.
  • Lista de projetos (ou experiência anterior) na área (opcional).

Critérios de seleção:

Os critérios de avaliação das candidaturas basear-se-ão na apreciação conjunta dos seguintes critérios (numa escala de 0 a 20 valores):

  • Média das notas atribuídas a unidades curriculares concluídas, na área de engenharia organizacional (40%)
  • Média das notas atribuídas às unidades curriculares já concluídas no curso de mestrado (25%)
  • Média final da formação académica de grau de licenciado (20%);
  • Motivação demonstrada para trabalhar no projeto (15%).

O júri poderá entrevistar, por videoconferência, os 3 primeiros classificados. A avaliação da entrevista é expressa numa escala numérica de 0 a 20 valores.

No caso de ser realizada entrevista, é atribuindo um fator de ponderação de 80% à nota da avaliação do percurso curricular, e um fator de ponderação de 20% à nota da entrevista.

  

Painel de seleção:

  • Presidente: Doutor David Aveiro, Professor da Universidade da Madeira
  • Vogal: Doutor João Zambujal de Oliveira, Professor da Universidade da Madeira
  • Vogal: Doutora Dulce Pacheco, Investigadora da ARDITI 

 

Notificação de resultados:

Os resultados finais serão publicados através de uma lista ordenada por nota final que será afixada num local visível e público na ARDITI, sendo todos os candidatos notificados por e-mail.

 

Notas:

  • O processo de seleção será baseado no princípio da não discriminação em relação a gênero, idade, nacionalidade, religião, grupo racial ou qualquer outra possível questão discriminatória. A seleção será feita apenas com base no mérito e seguindo a Carta Europeia para Investigadores, o Código de Conduta para o Recrutamento de Investigadores (Recomendação da Comissão, Bruxelas, 11.3.2005, 2005/251/EC) e as recomendações da Declaração de San Francisco sobre Avaliação de Pesquisa (DORA).
  • A ARDITI é uma "organização de acolhimento de refugiados" reconhecida pela Comissão Europeia e acolhe candidaturas de todos os indivíduos qualificados.
  • O prazo de candidatura poderá ser prorrogado a qualquer momento, sem prévio aviso, tendo em vista os requisitos para os cargos desta convocatória.
Número de vagas: 1
Tipo de contrato: Informação não disponível
País: Portugal
Localidade: Funchal
Instituição de acolhimento: EELab/ARDITI
Data limite de candidatura: 23 de Fevereiro de 2022
(A data limite de candidatura deve ser confirmada no texto do anúncio)

 

Subscreva a newsletter

Pesquisa

Copyright © 2022 ARDITI