Bolsa de Investigação: ARDITI-OOM/2016/018

Cargo/posição/bolsa: Observador de Cetáceos no âmbito do Projeto BioMetore;
 

Referência: ARDITI-OOM/2016/018;

Área científica genérica: Biological sciences;

Área científica específica: Biodiversity;

 

 

Resumo do anúncio:

No âmbito do Projeto BioMetore, OOM-ARDITI procura um observador de cetáceos (nível de Mestrado), com conhecimento e experiência na recolha de dados no campo, processamento e análise preliminar de dados de cetáceos e outros vertebrados marinhos.

Texto do anúncio

“BIOMETORE-Biodiversity in seamounts: the Madeira-Tore and Great Meteor”, é um projeto financiado pelas “EEA Grants” (PT02-0018). Os principais objetivos do projeto são a melhoria do conhecimento relevante para os descritores relacionados com a biodiversidade no contexto da Diretiva Quadro da Estratégia Marinha (DQEM) nos complexos de montes submarinos Atlânticos “Madeira-Tore” e “Great Meteor” e o aumento do conhecimento dos ecossistemas do mar profundo. Para o verão e outono de 2016, estão planeadas várias campanhas de mar focando-se nos montes submarinos do Madeira-Tore (montes submarinos do banco Gorringe, Josephine e Seine), nordeste Atlântico. Os resultados do projeto irão fornecer informação importante para a compreensão e gestão sustentável dos ecossitemas dos bancos submarinos em causa, contribuindo assim para colmatar a falta de conhecimento sobre a sua biodiversidade, desde as bactérias até aos mamíferos e cadeias tróficas, bem como promover o futuro sustentável da actividade pesqueira e a integridade dos fundos marinhos.

No âmbito do BIOMETORE, OOM-ARDITI procura um observador de cetáceos (nível de Mestrado), com conhecimento e experiência na recolha de dados no campo, processamento e análise preliminar de dados de cetáceos e outros vertebrados marinhos. O candidato selecionado irá integrar a equipa do Museu da Baleia da Madeira (MBM) com décadas de experiência no estudo dos cetáceos e uma equipa multidisciplinar envolvendo pessoas de diversas instituições nacionais e norueguesas.

As responsabilidades incluem:

  • Preparação de protocolos científicos para recolha de dados;
  • Pesquisa bibliográfica relevante para as tarefas em causa;
  • Embarque em navios oceanográficos para recolha de dados no mar;
  • Organização, processamento, análise preliminar e validação dos dados recolhidos;
  • Elaboração de relatórios;
Requisitos de admissão

O candidato ideal deverá ter um Mestrado em Ecologia ou áreas afins com experiência em:
  • Embarques como observador científico em navios oceânicos ou embarcações de pesca, de preferência como observador de cetáceos, tartarugas e aves marinhas no âmbito de programas de monitorização;
  • Experiência como observador científico em campanhas de mar para censos náuticos visuais de cetáceos aplicando a metodologia “distance sampling”;
  • Experiência na identificação de cetáceos in loco e bom conhecimento sobre cetáceos, tartarugas e aves marinhas da Macaronesia;
  • Experiência em acústica de cetáceos, designadamente, na operação de cadeia de hidrofones estéreo e hidrofones omnidirecionais (média e alta frequência), incluindo a utilização de “filter-boxes” e gravação digital de sons;
  • Domínio de software Sistemas de Informação Geográfica (ArcGIS e Quantum GIS);
  • Domínio de software de manipulação de base de dados (SQL);
  • Domínio de software estatístico (SPSS);
  • Bom domínio da língua portuguesa e fluência em inglês;
Plano de trabalhos
  • Assistência na preparação dos protocolos de recolha e registos de dados, incluindo o registo de esforço de observação, recolha de dados de observação dos animais com georreferenciação, registo de dados acústicos;
  • Preparação de fichas de registos de dados, e assistência na preparação e teste equipamentos acústicos e outros instrumentos relevantes para as tarefas em causa;
  • Embarque em campanhas de mar oceânicas a realizar no âmbito do projeto BIOMEOTORE nos bancos submarinos do complexo Madeira-Tore (montes submarinos do banco Gorringe, Josephine e Seine);
  • Revisão bibliográfica sobre o registo e estudo de cetáceos nos bancos submarinos alvo das campanhas de mar;
  • Organização, processamento e análise preliminar dos dados georreferenciados de esforço, observação de cetáceos e outros vertebrados marinhos, recorrendo a ferramentas SQL, GIS e análise estatística (quando aplicável), bem como apoiar no processamento e análise preliminar de dados de acústica para apoio na deteção e identificação de cetáceos submersos;
  • Participação na redação de relatórios referentes aos dados de cetáceos e outros vertebrados marinhos recolhidos e processados no âmbito das campanhas de mar acima referidas;
Orientação científica e local de trabalho

Este trabalho será coordenado por Luís Freitas.

Duração da(s) bolsa(s)

6 meses com início previsto 1 de agosto de 2016

Subsídio de manutenção mensal

Subsídio de manutenção de acordo com a tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT  (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores.phtml.pt): Bolsa de Investigação para Mestre: 980€.

Métodos de seleção

Serão aplicados os seguintes critérios de avaliação:
FS = QA + EP
FS – Pontuação Final
QA – Qualificações
EP – Experiência

QA:
5 pontos – Mestrado em ecologia;
EP:
3 pontos  - Experiência como observador de cetáceos, tartarugas e aves marinhas no âmbito de programas de monitorização, incluindo a identificação de cetáceos in loco;
3 pontos - Experiência como observador em censos náuticos visuais de cetáceos aplicando a metodologia “distance sampling”
2 pontos - Bom conhecimento sobre cetáceos, tartarugas e aves marinhas da Macaronesia;
2 points - Experiência em acústica de cetáceos, designadamente, na operação de cadeia de hidrofones estéreo e hidrofones omnidirecionais;
3 pontos – Experiência na utilização de software Sistemas de Informação Geográfica (ArcGIS e Quantum GIS);
1 ponto - Experiência na utilização de software de manipulação de base de dados (SQL);
1 pontos - Experiência na utilização de software estatístico (SPSS).

Composição do Júri de Seleção
  • Luís Freitas (Museu da Baleia da Madeira)
  • Manuel Biscoito (Estação Biologia Marinha do Funchal)
  • Dra. Cláudia Ribeiro (CIIMAR-Madeira)
Documentos de candidatura
  • Carta de Motivação (enfatizando a adequação do candidato a cada um dos critérios de avaliação)
  • Curriculum Vitae
  • Certificado de Mestrado (e /ou carta de confirmação da sua conclusão + cópia digital da tese)
Forma de publicitação/notificação dos resultados

ARDITI (http://www.arditi.pt). Via e-mail.

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas

Formato digital para o email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. até ao dia 19 de maio de 2016
biometore logo fundo transparente RGB 01 EEAGrants JPG