Projeto NEUROAUGVR

Anualmente, milhões de pessoas sofrem acidente vascular cerebral (AVC). O AVC é uma das principais causas de morte e incapacidade prolongada. Leva a deficiências cognitivas e motoras, perda de independência, tendo um forte impacto psicológico, estando associado a transtornos do humor e depressão. Ao evoluir para uma condição crónica, o AVC requer reabilitação contínua e terapia. Acredita-se que as abordagens de Realidade Virtual (RV) personalizadas aceleram o processo de recuperação quando comparadas às intervenções tradicionais. Todavia, a maioria destas novas abordagens adequam-se apenas a um conjunto reduzido de pacientes, geralmente os com melhor prognóstico de recuperação e melhor controlo motor. Deste modo, a ideia de recuperar o sistema nervoso central foi estabelecida, através de neurofeedback (NF) baseado em EEG e imaginação motora (IM). Embora os benefícios do IM-NF tenham sido ilustrados em muitos estudos, a reduzida capacidade dos pacientes com AVC para usar NF não permite um controlo preciso, reduzindo as capacidades dos sistemas IM-NF.

O objetivo deste projeto é desenvolver um sistema de reabilitação novo e mais inclusivo com o uso de novas TIC, a fim de superar as atuais limitações. Para o efeito, serão identificados os correlatos neurais da ação motora durante imaginação motora através de imagem cerebral (fMRI). As diferenças na ativação cerebral com diferentes protocolos de feedback serão usadas para criar modelos específicos do usuário que serão usados nas sessões de reabilitação de NF-IM. Tal ajudará a explorar o uso de interfaces cerebrais para treinar o sistema nervoso central. Mais especificamente, vamos desenvolver um NF imersivo baseado em EEG através de RV para treino IM. O objetivo final será generalizar as descobertas num paradigma de treino VR-NF-IM para pacientes internados, em ambulatório, bem como para os cuidados domésticos continuados.

Este projeto tem impacto a diferentes níveis. A nível científico, irá contribuir para uma maior compreensão dos mecanismos neurofisiológicos de plasticidade cerebral subjacentes à recuperação motora após um AVC; fornecerá mais evidências acerca dos benefícios das abordagens de reabilitação impulsionadas pelas TIC. A nível tecnológico, este projeto propõe novas metodologias de treino e acompanhamento da reabilitação após lesão cerebral, oferecendo à comunidade uma ferramenta aberta para compartilhar e facilitar o desenvolvimento de futuros sistemas de TIC para reabilitação. A existência de um tal sistema acarreta um forte impacto socioeconómico, na medida em que, ao permitir criar novas soluções de saúde para os pacientes (personalizadas e ao domicílio), vem diminuir a carga financeira imposta ao sistema nacional de saúde. Por último, a implementação deste sistema junto aos nossos parceiros clínicos irá permitir obter dados valiosos que ajudarão a validar e quantificar o impacto destas novas abordagens.

 

Designação do Projeto:   NeuroAugVR
Programa:   FCT
Data de Início:   01/10/2018
Data de Conclusão:   01/09/2021
Orçamento Total:   239.084,23€
Apoio Financeiro:   239.084,23€
Orçamento ARDITI:   144.371,31€
Apoio Financeiro ARDITI:   144.371,31€
Coordenador:    
Parceiros:   Instituto Superior Técnico
Site do Projeto:    

 

 JPI Oceans logo darkblue