ARDITI marca presença em workshop sobre o Turismo

ligado .

FaroTurismo como uma prioridade para a RIS3 (Smart Specialization Platform) foi o tema de um workshop co-organizado pela Plataforma S3 e pela Comissão Regional de Coordenação e Desenvolvimento do Algarve.

No seguimento de outros workshops semelhantes pretende-se que também deste último encontro resulte um ganho de conhecimento e experiência que seja utilizado como instrumento de apoio às regiões e estatos membro da União Europeia no desenvolvimento das suas  RIS3 (Research and Innovation Strategies for Smart specialisation).

Durante este workshop, quatro regiões: Faro (PT), Sicília (IT), Rhône-Alpes (FR) e Kujawsko-Pomorskie (PL) apresentaram o trabalho desenvolvido para estas estratégias e tiveram oportunidade de interagir com os restantes participantes que tiveram um papel de "críticos" na discussão das estratégias em análise. Todas as 4 regiões têm em comum o turismo como prioridade nas suas RIS3 e este foi assim um tema muito debatido.

Para mais informação sobre a RIS3 e estes workshops consulte o site aqui.

ARDITI presente em workshop

ligado .

budapesteA ARDITI marcou presença num workshop promovido no âmbito da RIS3 que teve como principal objetivo o debate das Estratégias de Investigação e Inovação para a chamada Smart Specialisation que teve lugar em Budapeste, na Hungria, nos dias 24 e 25 de Junho.

Durante o evento foram apresentados os avanços do trabalho feito no âmbito da Estratégia RIS3 por quatro estados membro: Humgria, Lituânia, Malta e Portugal.

A plataforma RIS3 foi estabelecida pela Comissão Europeia para procidenciar aconselhamento profissional aos Estados Membro e Regiões da União Europeia, na concepção das suas estratégias de Smart Specialisation. Entre os serviços da plataforma estão por exemplo: o fornecimento de guias e material de boas práticas, organização de sessões e participação em conferências, formação especializada para os agentes, participação em projetos de investigação no âmbito da formação de estratégias e delineação de políticas base.

Para mais informações sobre o evento e sobre a Plataforma RIS3 consulte o site do projeto.

Simpósio do Mar

ligado .

Jardim do Mar 04Nos passados dias 27 e 28 de Junho teve lugar o Simpósio do Mar 2013 cujo programa reuniu mais de 30 oradores. Tendo como objetivos a geração de massa crítica, a integração de competências e a construção de programas de Investigação e Desenvolvimento (I&D) regionais, o simpósio dividiu-se por diferentes paineis de discussão representativos de diversos temas como o Estudo dos Recursos Marinhos, a Gestão e Exploração dos Recursos Marinhos e a Educação e Divulgação.

Aceda aqui toda a informação sobre o Simpósio do Mar 2013.

Docente da UMa participa em campanha oceanográfica

ligado .

FS PoseidonManfred Kaufmann, docente do Centro de Competência das Ciências da Vida da Universidade da Madeira (UMa) e investigador do Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental da Universidade do Porto, irá participar, de 02 a 18 de março, a bordo do navio de investigação alemão FS Poseidon, na campanha oceanográfica à volta do arquipélago da Madeira MAPS – Madeira Archipelago Pre-Seamount Stages.

Durante esta campanha, o Professor Doutor Manfred Kaufmann, irá realizar um programa de amostragem extensa sobre as comunidades de fitoplâncton (microalgas flutuantes) e sua dinâmica à volta da Madeira, Porto Santo e as ilhas Desertas. Para além do docente da UMa, estarão também presentes dois cientistas do Departamento de Investigação Marinha e do Centro Alemão de Biodiversidade Marinha (DZMB), do Instituto Senckenberg am Meer, Wilhelmshaven, Alemanha, que irão examinar as comunidades da meiofauna (animais com dimensões entre 1 e 0,05 mm que vivem no fundo do mar) e a composição sedimentológica dos fundos marinhos que influenciam aquelas comunidades.

Financiada pela Fundação Alemã de Investigação, a campanha oceanográfica POS466, tem como principal objetivo averiguar se as cadeiras formadas por ilhas e montes submarinos, como o ‘Madeira Hot Spot Track’, com a mesma origem, mas com diferentes idades, refletem esse gradiente da idade nas comunidades faunísticas encontradas nestes ambientes. Além disso, os dados oceanográficos como os perfis de temperatura e salinidade em profundidade, bem como medições das correntes recolhidas irão contribuir para o recém-criado Observatório Oceânico da Madeira, patrocinado pela Agência Regional para o Desenvolvimento da Investigação, Tecnologia e Inovação - ARDITI

Funchal eleita Cidade do Ano 2013

ligado .

civitas logo betaA cidade do Funchal foi a grande vencedora dos "Civitas Awards", prémios que distinguem as cidades europeias que mais se destacaram na promoção da mobilidade sustentável, no âmbito do projeto Civitas. A entrega do prémio "Cidade do Ano 2013" ao Funchal teve lugar durante o Fórum Civitas, em Brest, França.

 Na Madeira o projeto CIVITAS MIMOSA que teve uma duração de implementação de 4 anos (terminando em 2012) teve por objetivo promover a mobilidade sustentável em ambiente urbano, privilegiando a cooperação entre as cidades europeias com experiências diferenciadoras nesta área, que manifestem uma efetiva vontade política em desenvolver estratégias integradas de mobilidade. O mote do projeto CIVITAS MIMOSA "Learn how to move better, to live in better cities" visou proporcionar uma boa aceitação das  propostas, que passaram pelo conhecimento/reconhecimento das ações e objetivos do projeto e por outro, incentivar a efetiva mudança de atitudes e a criação de novos hábitos de transporte.

Os parceiros regionais do projeto foram o Madeira Tecnopolo, Horários do Funchal e a Câmara Municipal do Funchal.

Mais informações sobre o projeto e o prémio que consagrou o Funchal como a Cidade do Ano 2013, no site oficial e através de um vídeo.