Ep. 11 | Ana Dinis: Bióloga marinha estuda a estrutura social e os padrões de residência de baleias e golfinhos

ligado .

anadinizAna Dinis é bióloga marinha e é investigadora do MARE - Centro de Ciências do Mar e do Ambiente (Madeira), membro do Observatório Oceânico da Madeira (OOM). Cetáceos são um grupo de mamíferos marinhos vulgarmente designados por baleias e golfinhos, e o principal interesse desta investigadora é "estudar a sua estrutura social, os seus padrões de residência, os movimentos que realizam e a forma como usam o habitat". 

A bióloga refere, desde logo, a importância da Madeira para o estudo deste grupo de animais. Isto porque, se tratando de uma ilha "rodeada de águas de grande profundidade, as espécies oceânicas aqui ocorrem junto da costa, sendo por isso fácil observá-las e estudar o seu comportamento". Ana Dinis indica ainda o número de espécies de cetáceos até ao momento registado ao largo do arquipélago da ilha da Madeira: 29, ou seja, cerca de 1/3 do total mundial. 

Um dos estudos desta investigadora "consiste na comparação de catálogos de foto-identificação de uma espécie em particular, do golfinho-roaz, que é bastante avistado na Madeira, entre os arquipélagos dos Açores, Madeira e Canárias", explica. Existem várias técnicas e ferramentas para proceder a este tipo de investigação, mas a técnica usada por Ana Dinis baseia-se na foto-identificação destes animais. "A foto-identificação é uma das técnicas utilizadas para distinguir os diferentes indivíduos de um grupo", explica. Em termos mais simples, consiste em fotografar "a barbatana dorsal destes animais e depois analisar marcas naturais presentes nessas barbatanas", informações que depois são reunidas em catálogos e permitem "identificar os indivíduos, a frequência com que são avistados nas nossas águas, determinar os seus movimentos e os seus padrões de residência". A bióloga marinha relata ainda que, com esta "comparação", confirmou-se,  "pela primeira vez, a presença dos mesmos indivíduos na Madeira e nos Açores, e outros que estiveram na Madeira e nas Canárias".